Mercado

Qual o peixe mais usado na aquicultura brasileira?

Na aquicultura brasileira, a tilápia se destaca como o peixe mais utilizado e representa uma parte significativa do crescimento do setor. Originária da África, a tilápia foi introduzida no Brasil devido à sua alta resistência a diferentes condições ambientais, rápido crescimento e boa aceitação no mercado. A produção de tilápia no Brasil é expressiva, consolidando o país como um dos maiores produtores mundiais desse peixe. A tilápia é amplamente criada em todas as regiões do país, sendo especialmente predominante no Sudeste e Sul, onde as condições climáticas são favoráveis e há uma infraestrutura bem estabelecida para a criação de peixes.

O peixe mais usado na aquicultura brasileira

A tilápia representa cerca de 60% da produção total de peixes de cultivo no Brasil, segundo a Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR). Esse sucesso pode ser atribuído a diversos fatores, como a adaptabilidade da tilápia a diferentes sistemas de criação, incluindo tanques-rede, viveiros escavados e sistemas de recirculação. Além disso, a tilápia é um peixe de carne branca e sabor suave, o que a torna muito popular entre os consumidores brasileiros.

A eficiência alimentar da tilápia, que converte a ração em peso de forma eficiente, reduz os custos de produção, tornando-a uma escolha economicamente viável para os piscicultores. A facilidade de manejo e a capacidade de reprodução em cativeiro também são vantagens importantes. No Brasil, além da produção para consumo interno, a tilápia tem ganhado espaço no mercado de exportação, especialmente para os Estados Unidos e a Europa. A qualidade do produto brasileiro, aliada a certificações sanitárias rigorosas, tem garantido a aceitação nos mercados internacionais, contribuindo para o fortalecimento do setor aquícola no país.

Em resumo, a tilápia é o peixe mais usado na aquicultura brasileira, devido à sua adaptabilidade, eficiência de produção e aceitação tanto no mercado interno quanto externo. Com um crescimento contínuo e suporte adequado, a produção de tilápia no Brasil deve continuar a prosperar, solidificando sua posição como líder no setor de aquicultura.

Lucas Alves

Jornalista e revisor. Atualiza diariamente as principais notícias do mercado agrícola.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo